fbpx

Starlink no Brasil: A Nova Era da Conectividade Rural

Lançamento no Brasil 

Em um importante avanço para a conectividade rural no Brasil, a SpaceX lançou recentemente novos planos de assinatura para o seu inovador serviço de internet via satélite, a Starlink.

Com uma rede de satélites de baixa órbita, a Starlink promete oferecer uma conexão de alta velocidade em áreas anteriormente carentes de tal infraestrutura. Os novos planos, a partir de R$ 184 por mês, e um desconto de 50% no equipamento necessário, tornam a internet de alta qualidade acessível para uma vasta gama de produtores rurais.

Produtor Rural Conectado

Um dos primeiros a aproveitar esses avanços é André Assis, produtor rural de Terra Roxa. André integrou a Starlink em sua propriedade, levando a conectividade para todo o seu território agrícola. Com a nova internet via satélite, André consegue potencializar o uso da plataforma de gestão rural eProdutor, transformando significativamente a eficiência e a lucratividade de seus negócios rurais.

André Assis, Produtor Rural adquire Starlink para ganhar mais eficiencia e conectividade no campo.

Graças à Starlink, André pode realizar uma gestão eficiente dos custos operacionais e tomar decisões de negócios mais informadas e ágeis.

Dados em tempo real 

André é um produtor que diversificou suas atividades e trabalha também com avicultura de corte e pisicultura. Ele aproveita a conectividade da Starlink para monitorar, em tempo real, os dados coletados por sensores nos aviários através da plataforma eProdutor. Além disso, graças à Estação Meteorológica BeWeather, André monitora constantemente as condições climáticas, intervindo de forma rápida e eficaz sempre que necessário.

A história de André é um claro exemplo de como a união da Starlink com o eProdutor pode transformar a agricultura brasileira. Com essa nova conexão, a plataforma consegue desempenhar seu papel de forma plena. Assim, os produtores podem gerenciar seus negócios de maneira mais eficiente, sustentável e rentável.

Esse progresso na gestão rural tem implicações não apenas para os agricultores individuais. Ele também é muito significativo para o agronegócio brasileiro em seu conjunto. Uma gestão eficiente pode resultar em maior produtividade e lucratividade, consolidando a posição do Brasil no mercado global de agronegócio.

Por fim, é importante destacar que um produtor rural bem conectado e com boa gestão é uma força poderosa para a sustentabilidade. Uma administração eficiente dos recursos marcam um passo significativo rumo a um futuro agrícola mais eficiente, produtivo e rentável.

Conclusão 

Em resumo, a nova era da conectividade trazida pela Starlink, em conjunto com a plataforma de gestão eProdutor, está remodelando a face da agricultura brasileira. O exemplo de André Assis de Terra Roxa é um vislumbre do futuro promissor que aguarda o agronegócio brasileiro, um futuro de sucesso, eficiência e sustentabilidade.

Veja neste vídeo como André usa a tecnologia para ser mais eficiente nos negócios rurais. 

 

 

 

A Jornada de André Assis: Como o eProdutor transformou a Gestão Financeira de um Negócio Familiar

Uma vez um jovem chamado André Assis, cuja família possuía um negócio próspero no campo, envolvendo agricultura, piscicultura, avicultura, bovinocultura e silvicultura. A vida seguia normalmente, e André, formado em Agronomia, dedicava-se de corpo e alma às atividades rurais.

Um dia, em uma reunião familiar, seu pai lhe confiou a responsabilidade de cuidar das finanças da família e de seus negócios. Era o chamado para uma nova jornada, um desafio que André jamais esperava enfrentar.

Como em toda jornada do herói, André se viu diante de obstáculos e provações. Ele percebeu que precisava de transparência nas finanças e de um sistema capaz de controlar todas as esferas do negócio, atendendo tanto as necessidades de pessoa física (produtor rural) como as de pessoa jurídica.

André começou a busca por soluções, mas esbarrou na dificuldade de encontrar um sistema que pudesse atender todas as atividades do negócio de maneira individual. Ele teve a ideia de buscar empresas que desenvolvessem um sistema personalizado, já que tinha o projeto em mente.

Foi então que André encontrou o mentor em sua jornada: Lucas, que lhe apresentou o Eprodutor. André percebeu que era exatamente o que procurava: um programa capaz de atender todas as suas atividades de maneira integral e única, tanto para pessoa física como para pessoa jurídica.

Com o Eprodutor, os funcionários da família Assis passaram a registrar ocorrências de todas as atividades por meio de aplicativos no celular, facilitando o controle financeiro. O sistema atendia todas as áreas do negócio, desde a agricultura (soja e milho) até a silvicultura, incluindo a Reflorestamento Assis, empresa especializada na compra e venda de eucalipto em lenha e cavaco no Oeste do Paraná e Sul do Mato Grosso do Sul.

Nessa parceria com o Eprodutor, André e sua família estavam desenvolvendo o melhor controle de silvicultura do país e, em breve, esperavam alcançar o mundo. A jornada de André se tornou um sucesso, e ele pôde garantir um futuro mais promissor para sua família e seus negócios.

André Assis aprendeu que, ao enfrentar os desafios e buscar soluções inovadoras como o Eprodutor, a sucessão familiar se torna mais fácil e prática. Ele aconselha outros produtores e filhos de produtores a olhar para esse cenário e a se prepararem para o futuro, lembrando sempre que “as escolhas que você plantar hoje, é que gerarão os frutos para o futuro de seus filhos e netos”.

E assim, a história de André Assis e o Eprodutor se tornou um exemplo inspirador para todos aqueles que buscam inovação e sucesso no mundo do agronegócio.

 

Veja mais aqui:

Como avaliar a rentabilidade da lavoura

Como está sendo feita a gestão financeira da sua propriedade rural?
Você acompanha dia a dia se está tendo lucro ou prejuízos com as suas atividades no campo?
Para uma operação sustentável, os custos que envolvem o processo de produção precisam ser otimizados a ponto de serem menores que as receitas. Sem controle, fica difícil atingir bons resultados e até mesmo identificar qual é o retorno que está sendo obtido com as atividades.
Já parou pra pensar que muitas vezes você está tentando corrigir uma falha ao decorrer do processo e não é ela realmente que está acarretando no desvio? Ou então não consegue sequer identificar qual é a falha?
Para saber sobre os seus ganhos produtivos, é essencial contar com informações completas de ponta a ponta sobre as ações desenvolvidas. São as informações que vão te guiar a escolher o melhor caminho.
Para isso, elaboramos três dicas de como melhorar essa gestão e manter as finanças positivas sem complicações. Confira:

Dica 1: Controle os custos de produção
Ter o controle dos custos é um dos pilares de embasamento para tomar qualquer decisão assertiva. Com análises gerais e específicas do andamento dos processos, decisões financeiras passam a ser tomadas de forma estratégica, oportunizando o aumento na margem de lucro.

Dica 2: Acompanhe o fluxo de caixa
O fluxo de caixa é a relação das entradas e saídas de recursos financeiros em determinado período. Com os dados do fluxo em mãos, é possível mensurar se há equilíbrio entre a entrada e a saída de dinheiro ou então de produtos. Essa gestão é o que garante ao produtor agir com segurança, seja para investir ou conter gastos. Se estiver negativo, é necessário levantar qual motivo conduziu para essa situação e, assim, conseguir estudar e reverter a um quadro positivo.

Dica 3: Elabore estratégias para diferentes cenários
Ações devem ser planejadas considerando diversas características do setor, sejam positivas ou negativas. O registro de lote a lote e safra a safra possibilita ao produtor simular diferentes cenários e elaborar táticas para lidar com fatores que influenciam no balanço final. Estratégias bem-feitas podem reduzir os riscos, diminuir os prejuízos e gerar lucros mais altos.

Bônus: Solução para Produtor Rural

A tecnologia tem atuado cada vez mais como uma verdadeira aliada para o produtor rural. Para tornar mais ágil, segura e organizada a administração de uma propriedade rural, é fundamental implementar um sistema de gestão financeira.
Como sabemos, a informação é o principal guia na tomada de decisões. O eProdutor é programa ideal que ajuda o empresário do campo a planejar todas as suas ações de forma simplificada e eficiente, reunindo inúmeros dados que são essenciais em um processo de gestão.
E, quando falamos de informações, ter acesso facilitado ao histórico de lotes anteriores e safras passadas, as decisões passam a ser mais direcionadas, porque é possível visualizar e comparar caso a caso.
Dessa forma, com esse grande número de dados e informações mais consistentes, é possível ainda acompanhar em tempo hábil todos os elementos que compõem a gestão da propriedade e agir no momento certo, corrigindo os desvios ao decorrer dos processos.
Uma gestão financeira efetiva permite que o produtor consiga cortar gastos, reforçar áreas e otimizar processos, tudo com ampla inteligência.. A boa gestão financeira eleva seu nível de competitividade e, consequentemente, sua produtividade.
A análise de dados históricos, a avaliação dos resultados das estratégias e a soma dos lucros tornam possível enxergar o que você deve alterar para ter resultados futuros ainda melhores. Com tudo isso, é possível dizer que uma gestão eficaz eleva a qualidade das atividades em um novo patamar.
O futuro é sempre formado a partir de decisões do presente. Escolher o certo agora, com uma boa gestão e embasamento, é garantir que os melhores resultados sejam alcançados com o menor risco e menor esforço.

Conheça o eProdutor e perceba como um sistema de gestão eficiente pode transformar as suas atividades no campo, te ajudando, assim, a trazer mais retorno financeiro.  | comercial@eprodutor.com.br ou ligue para (41) 9.9278-8701

 

Créditos pelo texto: Laura Vendrusculo Delai

O que é ESG e como aplicar no Agronegócio

Primeiro, vamos entender um pouco mais como funciona e o que é ESG. A sigla vem do inglês, que significa environmental, social and governance, traduzindo de forma literal para o português, a sigla fica ASG (ambiental, social e governança).

Enviromental ou Ambiental, diz respeito a práticas ambientais dentro de empresas ou entidades. Aborda-se temas como poluição da água e do ar; aquecimento global; desmatamento; gestão de resíduos; eficiência energética; entre outros.

Social, diz respeito a como empresas e entidades, podem auxiliar a sociedade e comunidade, gerando um impacto positivo. Aborda-se temas como direitos humanos e às leis trabalhistas; proteção de dados e privacidade; diversidade de gênero; investimento social; relacionamento com a comunidade local; entre outros.

Governance ou Governança, está conectado com às políticas, processos, estratégias e orientações de administração das empresas e entidades, é diretamente ligado aos outros dois pilares, pois dita, orienta, fiscaliza e reporta as práticas sustentáveis. Aborda-se temas como transparência de dados; conduta corporativa; práticas anticorrupção; auditorias internas e externas; entre outros.

Esses três pilares se referem a como as empresas estão comprometidas para serem regidas da melhor maneira, socialmente responsáveis e ambientalmente sustentáveis.

Com relação ao agronegócio, empresas maiores já possuem os pilares mais sólidos, isso não acontece com tanto afinco com o principal elo da cadeia, o produtor do campo. Para que isso aconteça de fato, é preciso informação e medidas que estimulem o produtor, a realmente entender os princípios ESG para colocá-los em prática.

Como o produtor pode fazer a diferença?

  • Adotar o uso de culturas de cobertura, evitando que o solo fique “nu”, auxiliando ainda na ciclagem de nutrientes na entressafra.
  • Melhorar a saúde do solo, realizando análises periódicas, acompanhando e corrigindo o solo assim que necessário. A saúde do solo, irá interferir diretamente na saúde da planta.
  • Opções de financiamento específico para agricultores incentivando práticas sustentáveis. Diversas fintechs e agtechs estão trabalhando para que a mudança nesse cenário seja ampla e significativa.
  • Utilização de plataformas de software que registram o histórico da propriedade, tanto financeiro como técnico, auxiliando na tomada de decisão a qualquer momento da safra.

O produtor que deseja ter um diferencial competitivo deve estar alinhado aos principais indicadores, às práticas de manejo de solo e de culturas que, em conjunto com a tecnologia e a informação, pode tornar o nosso país uma grande potência agroambiental.

            O eProdutor auxilia o produtor rural a organizar todas as informações em um só lugar, tendo o maior controle da propriedade e tornando a gestão versátil.

Saiba mais com um dos nossos especialistas: contato@eprodutor.com.br